Leandro Ramos

phpMyAdmin no Debian Buster


Este tutorial mostra a instalaçao manual do phpMyAdmin no Debian Buster (10) e no Ubuntu Eoan (19.10), pois o pacote nao existe mais no repositorios dessas versoes.

Logo do phpMyAdmin

Para instalar os outros pacotes do LAMP, siga o tutorial que ainda funciona nas versoes mais atuais dos sistemas Debian e Ubuntu – <https://medium.com/@leandroembu/lamp-no-debian- ubuntu-e-derivados-2019-7710ce29071f>

Importante

Nao existe (nunca existe) apenas uma forma de fazer as coisas no Linux, e vou mostrar a forma com que eu consigo usar e manter o programa atualizado com mais facilidade.

Instalando as dependencias

Vamos usar o Git para clonar o repositorio do phpMyAdmin no Github. Tambem vamos usar o composer e o yarn para instalar as dependencias do phpMyAdmin (voce pode instalar de outras formas, mas eu vou usar os pacotes do Debian).

sudo apt install git composer yarnpkg php-xml php-curl php-zip

Repositorio Github do phpMyAdmin

Vamos clonar o repositorio em https://github.com/phpmyadmin/phpmyadmin/ – mas vamos usar o ramo (branch) STABLE, pois o master contem o codigo em desenvolvimento.

Clonando o repositorio

Escolha um diretorio (realmente pode ser onde voce quiser), eu farei o clone dentro do diretorio do meu usuario

git clone -b STABLE https://github.com/phpmyadmin/phpmyadmin.git

Clonando o repositorio do phpMyAdmin

Entre na pasta do phpMyAdmin

cd phpmyadmin

Use o composer para atualizar as dependencias

composer update --no-dev

Atualizando as dependencias com o composer

Use o yarn para instalar as dependencias do javascript

yarnpkg install

Ou, se voce instalou o Yarn manualmente

yarn install

Instalando as dependencias do javascript

Abrindo o phpMyAdmin

Crie um link simbolico no diretorio html do Apache – ou onde quer que seu webserver (nao somente o apache) tenha isso configurado – apontando para a pasta do phpmyadmin.

sudo ln -s ~/phpmyadmin /var/www/html/phpmyadmin

Adapte o comando acima para a sua necessidade, caso o phpmyadmin nao esteja na sua Home.

Link apontando da pasta do Apache para a pasta do phpmyadmin

Abra seu navegador em localhost/phpmyadmin, ou no IP/nome do host onde estiver seu servidor web. Faça o login no phpMyAdmin.

Tela de login do phpMyAdmin

Seu phpMyAdmin esta pronto para ser usado

Tela inicial do phpMyAdmin

Atualizando o phpMyAdmin

A vantagem de usar o Git para clonar o repositorio do phpMyAdmin e poder atualizar o codigo do branch STABLE usando o comando git pull.

git pull origin STABLE


composer update --no-dev


yarnpkg install

Atualizando o phpMyAdmin

Consideraçoes finais

Instalar o phpMyAdmin atraves do Git tem vantagens e desvantagens: eu gostei de poder atualizar pela linha de comando, mas nao gostei do tamanho do download do programa, mais de 700MB.

Uma outra forma de usar e baixar do site https://www.phpmyadmin.net/ e substituir o download por uma versao mais nova quando desejar.

Pessoalmente, nao uso o phpMyAdmin. Para administrar usuarios, permissoes e outras coisas eu acabo usando a linha de comando, e para criar bancos de dados e tabelas uso outras ferramentas, como o DBeaver. Mas e bom saber lidar com o phpMyAdmin porque ele e muito usado em sistemas de hospedagem, e as vezes nao temos acesso a partir de outros hosts ou via ssh ao servidor.

Referencia: <https://docs.phpmyadmin.net/en/latest/setup.html#installing-from- git>

Deixem comentario, me corrijam, deem sugestoes, etc. Um grande abraço e ate a proxima!